+55 71 98880 2781

Como receber bem um hóspedes LGBT+?


A pergunta parece ser o caminho para que hotéis se tornem verdadeiramente friendlys, mas a resposta pode ser mais complexa do que a maioria das marcas hoteleiras está disposta a se esforçar para conseguir. Pensando nisso, a AccorHotels vem desenvolvendo uma série de ações para se tornar o primeiro grupo hoteleiro no Brasil a efetivamente se engajar na causa LGBT (clique no link para ler mais a respeito).

Na última quarta a Accor celebrou um ano de adesão ao Forum de Empresas LGBT+, sendo ainda o único do setor hoteleiro signatário da Carta de Adesão aos 10 compromissos da empresa com os Direitos LGBT. Depois de um longo trabalho interno, a empresa desenvolve há um tempo ações de treinamento em seus hotéis brasileiros para receber esse público da melhor maneira e apresentou o seu guia “Como receber bem o hóspede LGBT+”.

“É uma honra saber que tivemos vários avanços neste último ano e certamente continuaremos com ações para que todos se sintam bem-vindos em nossos hotéis”, ressalta Antonietta Varlese, vice-presidente de Comunicação e Responsabilidade Social Corporativa e líder do Comitê LGBT+ AccorHotels.

A AccorHotels recebeu ainda o o selo Empresa Amiga da Diversidade da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB, que mostra o reconhecimento da instituição pelas ações afirmativas de empresas que se comprometem a desenvolver programas, projetos e ações de promoção e valorização da diversidade sexual e de gênero em seus negócios.

Apoiadora e rede hoteleira oficial da Parada Gay de São Paulo, a AccorHotels também passou a integrar a campanha “São Paulo com Respeito”. O objetivo é promover uma série de ações que reforçam o respeito, a igualdade e a integração dos LGBTs. Entre outras iniciativas, os hotéis passam a utilizar tags para porta dos quartos com mensagens que reforçam o apoio à causa e traz informações sobre telefones de denúncia em caso de LGBTFobia, o Disque 100.

Essas ações mostram que o grupo francês está preocupado em receber verdadeiramente bem a todos, assim como sabe da importância de apoiar iniciativas que buscam garantir o respeito a diversidade. Um importante passo dado por uma gigante do setor de turismo em mostrar que não basta ir em busca do chamado pink Money, é preciso verdadeiramente se engajar na luta pelos direitos. Nós amamos saber mais essas iniciativas, certamente faz diferença na hora de escolher onde se hospedar.


Curte aí nossa fanpage!
E tenha acesso a todo o conteúdo do Viajay!